Principais decisões de TI na era da Inteligência Artificial

Principais decisões de TI na era da Inteligência Artificial

Começamos 2021 inovando em nosso blog. Hoje faremos um novo formato de publicação: uma entrevista. Conversamos com um especialista da área de TI com o objetivo de compartilhar alguns aprendizados adquiridos no dia a dia de desafios técnicos e processuais de Data Analytics e Inteligência Artificial, abordando as principais decisões de TI na era da IA.

Entrevistamos o diretor de operações da Aquarela, Luiz Madeira. Ele é responsável pela organização e atendimento dos requisitos de infraestrutura de analytics, que vão desde o dimensionamento de infraestrutura até os testes de segurança e carga aplicados sobre os sistemas implantados. Além disso, é o responsável por importantes decisões de TI na empresa. Confira a entrevista.

Entrevista

  1. Quais fatores devem ser levados em consideração na hora de pedir apoio a empresas terceirizadas de inteligência artificial e analytics avançado? Quais riscos envolvidos e principais ganhos? 

A primeira coisa é entender o nível de serviço, de suporte que a empresa poderá oferecer. Outro ponto importante a ser avaliado é o possível impacto dessa contratação para a empresa, ou seja, analisar custos, pessoas envolvidas e tempo demandado.

O contratante deve procurar conhecer a reputação da empresa fornecedora, seu nível tecnológico no mercado, grau de segurança de dados e se ela está de acordo com os compliances atuais (ISOS). Além disso, deve questionar como se dará o atendimento de suporte, a integração de dados e como serão dadas as entregas de IA e Analytics (API, Dashboards).

Em relação aos riscos da terceirização de serviços de TI, os mais frequentes são: não entrega, atraso nos prazos e escopo desalinhado. 

Apesar dos riscos, contratar uma empresa fornecedora de serviços de IA e Analytics pode trazer muitos ganhos e gerar mais valor para a empresa contratante; pode colocá-la à frente da concorrência ao estar alinhada às tecnologias emergentes no mercado. Além disso, a terceirização permite à empresa concentrar-se no estratégico, contribuindo para a expansão dos negócios. Quando uma empresa terceiriza uma atividade-meio, ela ganha em qualidade, pois a contratada é especialista nessa atividade. Assim, a empresa poderá focar em seu core business, ou seja, na parte vital do negócio.

  1. Quais os principais pontos que você recomenda em relação à segurança das plataformas de TI? 
  • Alinhamento tanto da plataforma cloud como dos softwares aos compliances de segurança, como OWASP, ISOS, LGPD, entre outras.
  • Treinamento de segurança de todas as equipes (técnicas e não técnicas).
  • Ferramentas de segurança, como: VPN, Firewall, entre outras.
  • Existência de uma Política de Segurança da Informação.
  • Backups. 
  • Acesso restrito aos dados.
  1. Na sua opinião, quais as tecnologias que terão o maior impacto a médio e longo prazo na infraestrutura de Data Analytics? 

Depende da estratégia adotada na construção do stack tecnológico e, evidentemente, da relação dessa arquitetura no negócio. De forma geral, a infraestrutura continuará sendo impactada por: 

  1. Como você descreveria o perfil dos profissionais de sucesso na área de infraestrutura para analytics e inteligência artificial (características comportamentais e técnicas)?

A característica imprescindível a um profissional de TI de sucesso é a capacidade de se reinventar. O setor tecnológico é muito dinâmico, por isso o profissional deve estar sempre atualizado, buscando conhecer e estudar as novas tecnologias do mercado. Além disso, são características comportamentais importantes: a comunicação, a capacidade de trabalhar em equipe, a resiliência e o aprendizado rápido.

Em relação às características técnicas, o profissional deve ter conhecimento em linguagem de programação, engenharia de software, engenharia de dados, machine learning, segurança de dados e Linux; deve ser capaz de montar ETL. Também é desejável que ele compreenda a área de negócios a fim de transformar o conhecimento sobre a empresa e as demandas do mercado em soluções.

Conclusão – Principais decisões de TI na era da IA

Por fim, lembre-se de que uma implementação bem-sucedida de inteligência artificial e analytics é o resultado de uma parceria bem equilibrada entre as equipes internas de operações com as equipes prestadoras do serviço. Portanto, escolher o fornecedor de Analytics é uma das decisões de TI mais importantes que você tomará para a transformação digital da sua organização. 

Quem é a Aquarela Advanced Analytics?

A Aquarela Analytics é pioneira e referência nacional na aplicação de Inteligência Artificial na indústria e em grandes empresas. Por meio da plataforma Vortx e da metodologia DCIM (Download e-book gratuito), atende clientes importantes como Embraer, Grupo Randon, Solar Br Coca-Cola e outros.

Fique atento às novas publicações da Aquarela Analytics no Linkedin e assinando a nossa Newsletter

Autores